08 março 2012

Dia da Mulher? Rá rá rá...

Após alguns dias ausente, trabalhando que nem um cão guia, voltei aqui para falar de Dia da Mulher, afinal de contas, conquistamos (teoricamente) os direitos iguais, isso implica em trabalhar igual, se esforçar igual, mas nem sempre receber igual.

Tenho muitas amigas que trabalham como eu e ainda tem uma família para cuidar. Elas passam o dia inteiro longe de seus filhos, dedicando-se integralmente ao ofício e ainda quando encerram a jornada, tem que enfrentar o segundo round, com direito a marido carente, filho carente, pia cheia de louça e janta para fazer.

Tenho certeza que essas guerreiras (e desculpem usar esse termo que o Bial fez o favor de banalizar) não se dão conta de como são espetaculosas... Sim, muitas vezes cansada, já no fim de sua bateria biológica ainda arrumam tempo para encenar sua parte de Mulher de Athenas.

Eu não ligo muito para o dia da mulher, pessoalmente acho babaquice comercial. Sei que muitas mulheres sofreram e até morreram para que chegássemos ao ponto de ter um dia internacional, contudo não dá pra comemorar sabendo que a cada minuto uma mulher sofre abuso físico, sexual ou psicológico no meu país. E ainda falta muito para que nos tratem com respeito que merecemos, não só porque somos mulheres e sim por que somos competentes e dignas de respeito.

Que este 8 de Março seja emblemático para todos os cidadãos, uma vez que temos eleições e as mulheres que hoje conquistaram seu direito ao voto democrátrico (democracia daquelas de comercial de margarina) constituem grande parte do percentual eleitoral. Tanto que hoje temos uma mulher representando o país e eu não sou feminista (ao contrário do que dizem) para ficar babando ovo pra Dilma só porque ela é mulher. Eu acredito que ela tem tanta capacidade, senão mais que qualquer outra pessoa sendo de qualquer gênero.

Ainda considero o Brasil um país machista e pra falar bem a verdade, eu também tenho um pouco da educação machista que nos é ensinada ainda. Entretanto, vejo isso evoluir a passos largos e sei que um dia não haverá mais a necessidade de comemorar apenas um dia o sexo feminino, pois o respeito e a igualdade serão inerentes de todos.

Bem, um feliz dia para todas as mulheres e todas as pessoas com alma feminina!

Agora vou voltar ao trabalho porque alguém no passado queimou o sutiã para que eu tivesse esse privilégio!

Beijos


...

Um comentário:

nuno disse...

my favourite smiths song
http://www.youtube.com/watch?v=j5b_V68mQ9k&ob=av3n

Baú da Magô